Entretenimento

20 ANOS DA BANDA CRITICAL AGE É CELEBRADO EM GRANDE ESTILO

Viver de música na capital amazonense é uma prova de resistência, persistência e amor à arte. Diferente do Sul e Sudeste, onde as oportunidades de se lançar nacionalmente são mais amplas, na região Norte, por ser longe dos grandes centros, quem faz arte e resiste ao tempo é porque realmente ama o que faz. Exemplo disso é a banda Critical Age, que resiste fazendo rock em Manaus há 20 anos e comemora a data nesta quinta-feira (28), no bar Porão do Alemão, com um especial System Of a Down, tendo como participação especial todos os músicos que já passaram pela banda. A Critial Age sobe no palco a meia noite, mas o bar abre às 18h. O ingresso custa R$ 25,00.

Mas qual o segredo de uma união tão duradoura? Arlley Souza, vocalista e líder da banda, explica que não existe uma fórmula certa. “Não é como receita de bolo. Acredito que um fator que pode ter sido crucial foi o respeito às diferenças. Eu e meu irmão, Arisson Souza, por exemplo, somos iguais na aparência, mas com personalidades diferentes. Ele sempre foi mais bravo, mais exigente com os ensaios e outras coisas. Já eu, fui a parte que tranquilizava tudo. Essas diferenças foram se somando onde cada um contribuía de alguma forma. Costumo dizer que ele “mordia e eu assoprava” (risos). Começamos em outubro de 2001, e como todo começo é sempre empolgante. Ver nosso projeto criar forma foi uma felicidade pra gente. Mas depois vieram as dificuldades. Os quatro primeiros anos foram bem difíceis, porque na época haviam poucos lugares que tocavam rock em Manaus. Havia uma ideia de que roqueiro era drogado, então existia muito preconceito. No início chegamos a pagar para tocar. Completávamos o cachê dos nossos músicos do nosso bolso, mas nunca deixamos de pagar ninguém e nunca furamos nenhum compromisso. Nunca deixamos de ir a um show”, lembra ele.

Arlley completa, dizendo que, mesmo com pouco incentivo financeiro no início e poucas casas de rock em Manaus, a banda não desistiu e conseguiu se estabilizar começando a ser reconhecida como banda pelo público do rock a partir de 2005, quando passou a ser a banda oficial do bar Porão do Alemão, uma das poucas casas de rock na época, sendo presença constante, lotando às sextas-feiras.

A banda é formada por Arlley Souza (voz e violão), Arisson Souza (voz), Ciro Tasso (guitarra) e João Almeida (baixo).

Ainda de acordo com ele, durante todo esse tempo a banda prezou pela qualidade musical e performática trazendo no repertório grandes clássicos do rock nacional, internacional, além de músicas autorais. Com isso, foi ganhando espaço e convites para abrir shows de grandes artistas do rock nacional e internacional como Scorpions, Halloween e Gammaway, Legião Urbana, Raimundos, Detonautas, Pitty, Capital Inicial, Titãs, Roupa Nova, Paralamas do Sucesso, além de ter no currículo uma turnê em Portugal.

Critical Age é uma das bandas mais antigas em atividade no Amazonas.
Não é fácil se manter em atividade por tanto tempo, mantendo também a qualidade e a vontade de produzir cada vez mais.

E para celebrar essa data tão importante, além da programação do dia 28 no Porão do Alemão, a banda faz uma semana comemorativa com grandes eventos pela cidade começando na sexta (29), com o pré-show do cantor Digão, da banda Raimundos, que vem a Manaus para um show no Behpo Gastropub, localizado na rua Eiru, nº 23, bairro Nossa Senhora das Graças. A banda Critical Age sobe no palco às 22h e a atração nacional entra a meia noite. O ingresso custa R$ 70,00 e R$ 90,00.

Sábado (30) eles tocam no Coyote Loco, localizado no Le Bom Marché, na Av. Pedro Teixeira, no bairro Dom Pedro, a partir das 19h.

Já no domingo (31), o show é no Meet Cozinha Boemia, localizado na rua Rio Mar, 58, Nossa Senhora das Graças. O evento começa às 22:00 e o couvert por pessoa custa R$15,00.

Segunda, 1° de novembro, tem Halloween do Porão do Alemão, localizado na Tv. Ponta Negra, 1986. A banda Critical Age sobe no palco às 23h. O couvert pista custa R$25,00 e vip .R$40,00.

Alessandra Vieira
Assessoria de Imprensa
Foto: divulgação

Publicações relacionadas

Dia 19 de dezembro acontece em Itacoatiara a 2° adição do jogo de rimas “Combate Velha Serpa”

Redação

Teatro é inovação: Projeto Roque Severino promove Oficina de Criação Teatral e Telepresença

marceadmin

Brasileiros criam série documental sobre coronavírus usando celulares

Redação