Fast marca no final e arranca empate com o Manaus FC na Colina

0
2

Em partida com final eletrizante, Fast Clube e Manaus FC ficaram no empate em 1 a 1, na tarde deste sábado  (8), no estádio da Colina. Com o resultado o Tricolor de Aço vai aos 10 pontos na tabela do Barezao, enquanto o Gavião do Norte chegou aos 8 pontos na classificação do Estadual.

Na próxima terça-feira (11), o Fast volta a campo para encararno São Raimundo em partida atrasada da quarta rodada. Já o Manaus FC enfrenta o Holanda também em jogo atrasado.

Com gol de Netinho em cobrança de falta logo no início do segundo tempo, a equipe comandada por Igor Cearense abriu o placar. O Tricolor só empatou aos 40 minutos da etapa final com cabeçada de Leo Guerreiro após cobrança de escanteio de Railson.

Netinho abriu o placar do jogo

Mesmo depois do final do jogo, o árbitro Edmar Encarnação, que já havia excluído o treinador Igor Cearense da partida, mandou embora o atacante Hamilton do duelo.

“Não entendo um árbitro desse que não tem humildade. Ele chegou e disse que estava acostumado a apitar jogo de Série A e que jogo aqui era tranquilo pra ele. Me expulsou porque fui falar aqui e depois ainda expulsou meu jogador depois da partida.  Só acho que falta humildade pra ele”, desabafou o técnico do Gavião.

Empate também em Manacapuru

Em Manacapuru, o Princesa do Solimões acabou tropeçando e ficou no empate com o São Raimundo, que conquistou seu primeiro ponto na competição.

Wander abriu o placar para o time da casa, já no segundo tempo. Quando estava em vantagem, o Princesa teve um pênalti a seu favor, mas Michel Parintins bateu fraco e Julião acabou fazendo a defesa.

Minutos depois, foi a vez do árbitro assinalar penalidade máxima para o Tufão. Pablo não desperdiçou e igualou a partida, levando o São Raimundo ao seu primeiro ponto no Barezão.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA